Publicado por: Rafael Lopes Krukoski | maio 27, 2011

Resposta e pedido de esclarecimentos ao Caravana

Ilustre Sr. Caravana

Fiquei realmente impressionado com a sua carta, quanta eloquência e quanta segurança sobre suas ações em comando da CBM.

Aproveitando a sua boa vontade, considerando que o Senhor sumiu por um tempo (que foi coincidente com a não prestação de contas da sua administração) e que realmente não existiu nada que justifique suas atitudes no comando da entidade que vem aos poucos destruindo o esporte do motociclismo no Brasil.

Queira, por favor, demonstrar a mesma boa vontade para esclarecer algumas dúvidas que eu tenho sobre a administração da CBM.

Qual o motivo do contrato com a Pro Tork não existir? Ou se ele existe, por favor, nos demonstre onde está o dinheiro e onde ele foi depositado. Em tempo, como era o contrato com a Honda? Tem algo assinado para nos mostrar?

Explique-nos o motivo de tantos saques de valores altos ao invés do simples depósito em conta. Diga-se de passagem, a lei diz que entidades como a CBM devem utilizar transferências bancárias e cheques nominais, como você não teme nada e não deve nada, qual sua justificativa para referidos saques?

Quando o Senhor fez empréstimos para a CBM? Sob qual justificativa? Onde estão os contratos? O seu patrimônio pessoal tem lastro para tais empréstimos? Qual a origem do seu patrimônio pessoal? O senhor conhece algum dispositivo legal que regulamenta esse tipo de empréstimo?

Aproveitando o ensejo em relação ao seu patrimônio pessoal: Qual o salário que a CBM lhe paga? Em qual ata isso foi definido e quem estava presente? Qual o justificativa para o pagamento de contas de telefone da sua família pela CBM? Em qual ata isso foi definido e quem estava presente? Sobre as atas acima: como foi feita a convocação e qual o quórum?

As pessoas que viajaram às custas da CBM, você tem justificativa, CPF e RG de todas elas? O senhor tem poder para autorizar essas despesas?

Desculpe insistir, mas o Senhor teria algum argumento sobre a apresentação do seu IRPF aqui nesse fórum ou na justiça, inclusive perante o Ministério Público? Qual foi a evolução do seu patrimônio nos últimos anos? O senhor tem alguma atividade profissional fora a CBM? O senhor trabalha na CBM em período integral? O Senhor tem carteira assinada pela CBM?

Qual o critério de escolha dos funcionários da CBM? (além do presidente)

O Senhor acha que a imprensa especializada deve calar sobre os fatos narrados por Vossa Excelência?

Qual opositor tem interesse na eleição da CBM? O senhor poderia ser mais específico sobre quem exatamente levaria vantagem com a sua saída da CBM?

Quais as últimas alterações nos estatutos da CBM? Como elas foram feitas e onde foram divulgadas? Desde quando o Senhor toma conta da CBM? Eu sei que algumas perguntas podem ser de conhecimento geral, mas eu gostaria de saber a sua confirmação.

O senhor poderia nos encaminhar as ultimas dez atas de assembleias da CBM? E as ultimas 20 atas? (todas registradas perante o órgão competente)

Desculpe as perguntas impertinentes, desculpe divulgar no blog da minha equipe um fato que todos desse fórum e fora dele já sabem: O Senhor não tem nenhuma moral para ameaçar ninguém de processo algum. O Senhor vem destruindo o esporte do motociclismo nesse país há anos e há muitas testemunhas e provas disso. Não pense que suas palavras de ameaça vão nos calar.

O esporte tem vida própria, o Senhor vai passar e o esporte vai continuar. Aguardo suas providencias judiciais, aguado suas explicações, e sinceramente: quero poder abaixar a cabeça e assumir que eu estou errado, quero que isso tudo seja uma ilusão e que o Senhor não tenha prejudicado de forma incomensurável a evolução do esporte do motociclismo nesse país.

Qual o motivo de tanta demora para prestar contas, já que o Senhor é um excelente administrador que não nos deve nada? Onde estão os comprovantes? Qual o motivo de não apresenta-los imediatamente?

Desculpe a sinceridade, estou no esporte desde 2009, com certeza é pouco tempo. Antes eu não tinha condições de participar. Hoje digo: ISSO NÃO VAI FICAR ASSIM! Se esse país tem que mudar, e ele tem que mudar, vamos começar por aqui.

Aguardo sua manifestação ou mais uma nota de esclarecimento. Pois ameaçar de processo é fácil. Praguejar a injustiça e impor o silêncio com utilização de dialética erística é a atitude comum do déspota. Agora, se o Sr. é mesmo uma pessoa idônea, venha responder e comprovar suas respostas sobre as questões aqui postas. E, se quiser fazer isso na esfera judicial, tenha certeza: há pessoas preparadas para lhe impor o desafio de idoneidade que o Senhor está precisando.

Minha sugestão é simples: não responda, suma vá para algum paraíso fiscal e pare de atrapalhar o nosso esporte, pois a cada dia há mais pessoas dispostas a lutar contra déspotas como o Senhor. SUMA, pois essa guerra é maior do que você poderá suportar.

Finalmente, por favor, mande os números dos processos que o Sr. diz ter vencido em sua nota, pois com os dados que constam em sua manifestação nada pode ser encontrado com o mesmo teor mencionado. Em tempo não me parece que a yes tenha sucumbido às suas enfadonhas ameaças vide o link: http://www.ysports.com.br/index.php?primario=sala&id_sala=20 na data da sua suposta sentença, eu transcrevo para facilitar:

EDITORIAL – Na contra mão do mercado 2: Da lama ao caos 26.05.2011

Em fevereiro do ano passado, a Y.Sports veio a público e noticiou (veja aqui) os indícios de que a corrupção estava reinando na CBM, entidade que deveria reger com seriedade o motociclismo  brasileiro. Passado pouco mais de um ano, o portal Redação Esportiva publicou uma reportagem jornalística (veja aqui) dissecando a delicada situação da entidade e colocando à tona denúncias graves de corrupção, após o afastamento do presidente da entidade.

Hoje, o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) publicou um estudo mostrando que em dez anos a frota de motos deve superar a de carros no país. Mesmo com o avanço da indústria e da economia, no esporte as ações louváveis que vemos são da iniciativa privada. Ainda não temos um campeão mundial, ainda não temos pistas eficazes suficientes; sequer, a sexta maior economia do mundo possui um Circuito (autódromo) próprio para corridas de motovelocidade. Motivo pelo qual o mundial de Moto GP não está no Brasil.

Lamentamos e não compreendemos porque as federações que deveriam fiscalizar a gestão da entidade tenham deixado pra última hora, num ano eleitoral, para promoverem a limpeza na entidade que agora se encontra quebrada e sucateada.

Ressaltamos o nosso compromisso com a transparência e com a verdade. Esperamos que fatos históricos como estes sirvam de aprendizado e que as entidades esportivas do Brasil se moralizem e cumpram o seu real objetivo. Dirigentes não podem e não devem se esquecer do inciso XII do artigo segundo da Lei Pelé (que rege o desporto brasileiro – confira aqui) que dita como princípio base a eficiência, obtido por meio do estímulo à competência desportiva e administrativa.

Aguardo sua manifestação!


Responses

  1. Não conheço o esporte, nem os problemas (inclusive administrativos) que parecem lhe assolar. Mas há algo que posso dizer, com certeza: esse é o momento de tirar a sujeira de baixo do tapete, não de forma isolada, nesse ou em outro setor, mas em toda a estrutura desse país, pública e privada.
    Acompanho o ciclismo de elite e, nessa outra vereda bem estrita, sei que a transparência não necessariamente é uma constante. Infelizmente, ainda estamos em época de QI (quem indica). Nem sempre o talento, a garra, o treino e a paixão pelo esporte bastam. A políticagem parece mesmo dominar o cenário de todos os esportes e, no final das contas, não somos uma potência porque primamos mais pelo favorecimento do que pelo reconhecimento do talento.
    Parabéns pela eloqüência e objetividade!
    E lembre-se que arsenal jurídico você tem…

  2. Parabens! finalmente alguem fez o questionamento correto.
    Tenho vergonha da CBM… e de precisar me utilizar dos serviços dela para praticar o esporte que amo.
    Sem mais
    abs


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: